Política

Hospital Regional de Luziânia celebra alta de 70 pacientes com Covid-19 em setembro

Pessoas com idades entre 32 e 100 anos puderam voltar com segurança para as suas residências


O Hospital Regional de Luziânia (HRL) comemorou a alta de 70 pacientes com Covid-19 no mês de setembro. Entre eles, está a aposentada Sebastiana Pereira Bataseo, de 100 anos, moradora de Santo Antônio do Descoberto. A recuperação dela surpreendeu a equipe de saúde do hospital.  Dona Sebastiana vive em um lar de idosos na cidade e foi recebida com festa pelos funcionários no local.

Os pacientes recuperados têm idades entre 32 e 100 anos e, a maioria mora em Luziânia, mas também há residentes de diferentes cidades da região, como: Valparaíso, Santo Antônio do Descoberto, Planaltina de Goiás, Passos-MG, Cristalina e Cidade Ocidental. Todos agora voltam para perto de suas famílias, onde devem ficar 14 dias em casa para observação e isolamento.

As altas no Hospital Regional de Luziânia são muito comemoradas por pacientes e a equipe de saúde. A cada saída, colaboradores do HRL e famílias dos pacientes fazem festa com balões, cartazes, gritos de alegria e cantam a música “É preciso saber viver”, de Roberto Carlos, para os internados que recebem alta na unidade.

Em três meses de funcionamento, um dos maiores hospitais de campanha do entorno de Brasília soma mais de 300 altas de pacientes com Covid-19, sendo 145 moradores de Luziânia. O resultado dos atendimentos e recuperação das pessoas, deve-se, principalmente, ao empenho dos profissionais da saúde, que se revezam diariamente para acolher e cuidar a população. As 70 altas deste mês entram na estatística dos mais de 200 mil pacientes curados no Estado de Goiás.

Sobre HRL

O Hospital Regional de Luziânia (HRL) começou a receber os primeiros pacientes com sintomas de Covid-19 no dia 20 de maio de 2020. Vieram transferidos pela central estadual de regulação de vagas do Estado de Goiás. Os leitos são ocupados gradualmente, a partir da avaliação diária e conjunta da direção com a Secretaria Estadual de Saúde.

Estadualizado, após passar oito anos em obras, o HRL foi o primeiro hospital do entorno do Distrito Federal dedicado a tratar pacientes com sintomas respiratórios agudos causados pelo novo coronavírus. Cerca de 1,2 milhão de pessoas, que moram na região, são beneficiadas pelo Hospital Regional de Luziânia.

Assessoria de Comunicação

Aline Marinho (11) 95484-9927 – aline@ecco.inf.br
Luiz Fernando Fernandes (61) 99242-3668 – 
luizfernando@ecco.inf.br

Postar um comentário

0 Comentários