Política

Hospitais de Goiás aderem campanha Janeiro Branco

 


O cenário pandêmico mudou de forma brusca a rotina de milhares de pessoas ao redor do mundo e trouxe impactos preocupantes à saúde mental. De acordo com o Instituto de Psicologia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERF), os casos de depressão praticamente dobraram desde o início da quarentena. A Organização Mundial da Saúde (OMS) também aponta aumento dos índices de suicídio, depressão, medo e ansiedade.

Para reforçar a importância do tema, o engenheiro e voluntário Hercílio Ramos Júnior usou a live do projeto “Amor Cantado – Acolhimento Musical” desta quarta-feira (13) para fazer uma reflexão necessária sobre saúde mental e informar os pacientes internados nos Hospitais de Urgência de Trindade (Hutrin), Regional de Luziânia (HRL) e Regional de Formosa (HRF) sobre a campanha “Janeiro Branco”, que em 2021 adotou o tema “Todo Cuidado Conta”.

“O Amor Cantado surgiu justamente para minimizar a tristeza das pessoas que precisam ficar isoladas durante o tratamento da Covid-19. Nos preocupamos com a saúde emocional dos pacientes e utilizamos a música para oferecer um momento de alegria e descontração”, afirma Ramos.

O projeto de acolhimento musical é apenas uma das ações realizadas pelos Hospitais geridos pelo Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento – IMED em Goiás.

A equipe de psicólogos e assistentes sociais do Hutrin, HRL, HRF e Hospital Regional São Luís de Montes Belos – Dr. Geraldo Landó oferecem acolhimento emocional por meio dos atendimentos personalizados e outras iniciativas, tais como visitas virtuais e celebrações de aniversários.

“A saúde emocional está diretamente relacionada à saúde física. Entendemos a importância disso e buscamos acolher os pacientes da melhor maneira possível para que o tratamento geral tenha um resultado excepcional”, conta Getro de Oliveira Pádua, diretor do IMED.

Janeiro Branco

A campanha foi idealizada pelo psicólogo mineiro Leonardo Abrahão na cidade de Uberlândia (MG), em 2013, com o objetivo de chamar a atenção para as questões e necessidades relacionadas à Saúde Mental e Emocional. O projeto ganhou projeção e hoje faz parte do calendário oficial da saúde em diversos estados e municípios.

Além da edição especial do Amor Cantado, os Hospitais distribuíram material informativo digital para todos os colaboradores por meio de aplicativos de mensagens.

“Nossa missão é cuidar de pessoas. Aderimos às campanhas nacionais de saúde para compartilhar informações e prevenir doenças, sejam elas físicas ou emocionais”, finaliza Pádua.

Postar um comentário

0 Comentários