Política

Lago Corumbá IV se torna o novo destino do lazer e da segunda moradia em Goiás

Projeção da portaria da Fazenda Canoa, unindo sustentabilidade e sofisticação (Foto: Divulgação)

Demanda de famílias que buscam segunda moradia cresceu na pandemia e Lago de Corumbá IV se consagra como novo destino para o eixo Goiânia-Anápolis-Brasília

A pandemia consolidou uma tendência que já vinha se desenhando nos últimos anos: um número cada vez maior de famílias quer se reaproximar da natureza e ter um refúgio afastado da cidade grande, mas sem abrir mão da comodidade e do conforto - de preferência, que esteja localizado a cerca de duas horas de carro e tenha toda a estrutura encontrada nos empreendimentos de um centro urbano. Um estudo da consultoria Datastore estima que nas cidades de Brasília, Goiânia e Anápolis, quase 90 mil famílias têm interesse em adquirir uma segunda moradia na região.

O público identificado pela pesquisa preza pela vida em família, passa muito tempo em casa e gosta de ter contato com a natureza - situações que foram potencializadas pelo isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus. Além disso, os entrevistados citaram hábitos como gostar de animais, praticar esportes de aventura e pescar.

No eixo Goiânia-Brasília, o lago Corumbá IV desponta como local que consegue entregar praticamente tudo o que essas famílias procuram. Chegando a seu debut em 2021, ele foi formado para a exploração do potencial hidrelétrico do Rio Corumbá. Com dimensões grandiosas, com área de 173 quilômetros quadrados e capacidade de 3,7 trilhões de litros de água, já há os que dizem que o lago é, na verdade, um mar e possibilita diversas atividades voltadas para o contato com a natureza.

Essa é a razão pela qual ele está despertando o interesse de empreendedores da região e se consolidando como destino de segunda moradia e veraneio. Entre as cidades que possuem participação territorial no lago, destacam-se Abadiânia, com 12 empreendimentos que já adquiriram licenciamento ambiental; Alexânia, com 26 empreendimentos já registrados; Luziânia, com 12 condomínios regularizados e outros 39 em processo de regularização, e Silvânia, que possui seis projetos já aprovados. Um desses projetos é o do condomínio reserva Fazenda Canoa, que já está comercializando lotes para construção de casas de veraneio em estrutura de condomínio fechado com diversas opções de lazer para os proprietários.

Vista aérea da região do Lago Corumbá IV, com projeção do condomínio reserva Fazenda Canoa (Foto: Divulgação)

À frente do projeto, o empreendedor Fernando Costa, à frente da FRSC Participações, empresa que investe e desenvolve projetos de incorporação e urbanismo no eixo Goiânia-Anápolis-Brasília, o projeto movimentará R$ 150 milhões em Valor Geral de Vendas (VGV) e, só durante as obras, gerará 200 empregos para a população da região. Quando estiver pronto, o ciclo de trabalho continuará para atender as mais de 400 famílias que terão casas no condomínio.

“Eu sempre tive uma ligação emocional com Silvânia porque minha família ascendente veio de lá e, por isso, sempre quis, de alguma forma, contribuir com a cidade. Acompanhei desde o início a criação do lago e percebi que ali se abria uma janela de oportunidade para se proporcionar esse novo ciclo de desenvolvimento”, considera o empreendedor Fernando Costa, que desde 2015 se dedica à formatação da Fazenda Canoa.

Para Fernando, não há dúvidas de que a Fazenda Canoa vai alavancar o mercado imobiliário e o turismo em Silvânia e em toda a região do Lago Corumbá IV, que abrange ainda os municípios de Abadiânia, Luziânia, Santo Antônio do Descoberto, Alexânia, Novo Gama e Corumbá de Goiás.

“O Lago Corumbá IV merece um projeto com visão de longo prazo, que seja cuidadosamente planejado e que traga valor agregado a toda a região. Nós começamos uma verdadeira jornada empreendedora para moldar a Fazenda Canoa, pesquisando empreendimentos de todo o Brasil com essas características, além de buscarmos inspiração e consultoria em algumas das regiões mais visitadas do mundo, como Itália, França e principalmente Grécia, que inclusive tem uma semelhança topográfica muito grande com a nossa” descreve Fernando Costa. Ele também destaca a busca pelos principais nomes do mercado, para elaborar um projeto que abraçasse todas essas características, com a proposta de que a arquitetura atue para emoldurar todas as belezas naturais que já existem no local.

Fazenda Canoa vai unir empreendimento com conforto e sofisticação à preservação das belezas naturais do Lago Corumbá IV (Foto: Divulgação)

Projeto traz heliponto e lazer privativo

Localizada no município de Silvânia, com 500 mil metros quadrados de área verde e lotes de 700 m² a 1.200 m², a Fazenda Canoa abre a sua central de vendas com objetivo de aproveitar o momento aquecido do mercado imobiliário e atrair a atenção de clientes de Brasília, Goiânia e Anápolis. O primeiro comprador, inclusive, é o cantor sertanejo Gusttavo Lima, que já garantiu seus terrenos no condomínio.

A propriedade proporcionará dois quilômetros de margem particular para o lago, acesso a trilhas na mata, quedas d'água naturais e áreas para pesca, sem comprometer a privacidade e a segurança dos moradores. Por outro lado, a Fazenda Canoa pretende não apenas oferecer uma experiência de intenso contato com a natureza, mas também propõe um espaço de exclusividade e sofisticação, contando com toda a infraestrutura de um empreendimento de alto padrão.

A elaboração teve consultorias a empreendimentos semelhantes em diversos estados do Brasil e também na Europa, reunindo as técnicas mais avançadas e sustentáveis disponíveis atualmente. O projeto é assinado por alguns dos profissionais mais renomados do mercado, o arquiteto Flávio Aleixo e o paisagista Luiz Carlos Orsini. As obras, com previsão de entrega para 2023, serão executadas pela construtora Mendes Lôbo, responsável por projetos como o acabamento fino no retrofit do Hotel Nacional, no Rio de Janeiro.

Os moradores poderão contar com infraestrutura completa de lazer, incluindo centro de esportes, complexo de tênis, ciclovia, beach club lounge com piscina de borda infinita e praia com pier. Para os apaixonados pela água, o condomínio oferecerá guarda-barcos e estrutura completa para navegação no lago. A Fazenda Canoa é também o primeiro lançamento da região com heliponto, projetado de acordo com as normas da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

O condomínio reserva será 100% fechado e com segurança 24 horas. Ele fica a 60 km de Anápolis, 120 km de Goiânia e 140 km de Brasília.

Pôr do sol de tirar o fôlego é um dos destaques da paisagem do Lago Corumbá IV (Foto: Divulgação)


Postar um comentário

0 Comentários