Neoenergia

O DEPUTADO CASTELO BRANCO É RECEBIDO COM HONRAS NO HARAS LAGOINHA EM JACAREÍ -SP

 

O Deputado Castello Branco entre a proprietária do Haras Lagoinha, Marisa Iorio e o presidente da Associação de Criadores de Cavalos de Raça Manga-larga/ Núcleo da grande São Paulo e Regiões Adjacentes, o Marcelo Vegas


  

  Por Walter Brito                      

      O arrojado Deputado Estadual Castello Branco (PSL-SP) foi recebido recentemente com muita alegria e respeito no Haras Lagoinha por sua proprietária Marisa Iorio Corrêa da Costa e, ao seu lado, o presidente da ABCCRM/ Núcleo da Grande São Paulo e Regiões Adjacentes, o Marcelo Vegas, e diversos amigos, entre os quais a prefeita Ana Catarina, de São Bento de Sapucaí; Edgar Nogueira e o vereador Barreto, de Taubaté; o famoso advogado Dino, o ex-diretor da Petrobras Luiz Pereira, a esposa do Deputado Castello Branco, Cláudia Simonsen, e assessores do parlamentar, quando foi servido um belo almoço de confraternização em uma solenidade que mostrou o engajamento do parlamentar do PSL no meio rural.

Vale ressaltar que o Haras Lagoinha fica localizado em Jacareí-SP, que dista 85,9 km do centro da cidade de São Paulo por meio da Rodovia Ayrton Senna, cujo percurso é feito em 1 hora e 32 minutos. 

Vista das Cocheiras do Haras Lagoinha - Projeto idealizado pela proprietária Marisa Iorio



Antes dos detalhes da bela recepção oferecida ao parlamentar que tem afinidades com cavalos desde os tempos da Escola de Cadetes no Exército, vamos contar uma pequena história de nossa entrevistada e anfitriã, a artista plástica Marisa, que na tenra infância sonhou ser veterinária para cuidar de cavalos, e seu interesse por eles começou muito precocemente, quando o pai a levava para ver exposições. 

O Haras Lagoinha surgiu da fé de uma criança, e assim, segue até os dias de hoje. Com comprometimento, responsabilidade, profissionalismo e sabedoria.

Damos Graças ao Senhor pelo Sonho alcançado.

Eis que no Parque Água Branca em São Paulo, aos 3 anos de idade, a paixão se consolidou. A partir de então, ela começou a comprar revistas especializadas em cavalo manga-larga e a sonhar em ter um dia uma fazenda para tratar com muito carinho os animais que sempre admirou. Por meio da tia e irmã de seu pai, conheceram o Condomínio Lagoinha. 

Vista da pista de treinamento e das cocheiras

O referido local, no passado, foi a fazenda de um francês que, ao retornar à sua pátria, teve a gloriosa ideia de dividir a fazenda em lotes, dos quais o pai de Marisa adquiriu dois lotes, quando ela tinha apenas 5 anos. 

👆Zagros do PEC, garanhão do Haras Lagoinha que hoje está liderando o ranking geral da Raça Manga-larga, de Melhor Reprodutor.


Nessa época, ela já sonhava grande e imaginava ter sua própria empresa para cuidar dos equinos. 

Leilão Celebridades, o mais importante Leilão presencial que o Haras Lagoinha organiza há mais de 11 anos consecutivos e bate recorde tanto com relação a presença de público presente como em relação a assistência de sua transmissão pelos canais rurais e de internet.

Pessoas ilustres sempre participam

 

Sua profecia de criança começou a dar sinais de realidade quando aos 21 anos alugava cavalos para os seus passeios. Casou-se com Paulo, hoje seu ex-marido e sócio, quando adquiriram a Fazenda Primavera, que se tornou há 38 anos o Haras Lagoinha. Durante a mega recepção oferecida ao Deputado Castello Branco, Marisa Iorio concedeu entrevista exclusiva a este escriba da política nacional. Com muita alegria Marisa disse que pensou cada passo da bela arquitetura misturada com os sofisticados jardins e a natureza que ali campeia. Lá tem um total de doze alqueires, exclusivamente, para a criação e o tratamento com muito carinho e dedicação do cavalo manga-larga, especialmente pelagem pampa. 

No ponto alto do evento o Deputado Castello Branco faz seu pronunciamento emocionado e ao lado da anfitriã Marisa e Marcelo Vegas

Reafirmou-nos que toda a bela estrutura foi pensada e idealizada por ela, com 120 baias, e todo o espaço é voltado para os animais, que contam com 32 funcionários, entre os quais veterinários, especialistas em fisioterapias, entre outros, e todos com o objetivo único de cuidarem da melhor forma possível de um plantel fantástico pertencente a uma raça genuinamente brasileira; argumenta orgulhosa a criadora, que aproveitou o seu dom artístico para criar uma das mais belas paisagens arquitetônicas que conheci na zona rural. Quanto aos leilões, Marisa nos disse o seguinte:

"Antes da Pandemia da Covid 19 fazíamos um leilão anual com 40 animais, entretanto, nos últimos dois anos não fizemos nenhum. Entre as personalidades presentes em nossos leilões, eu destaco os fantásticos: Ana Paula Arósio, Ingra Lyberato e Humberto Martins. Sou uma das mais tradicionais e antigas criadoras de cavalos e convivo muito bem com os novos criadores. Embora a atividade seja desempenhada na maioria por homens, eu superei o preconceito, impus minha personalidade e sou respeitada e querida no meio tradicionalmente sob o comando masculino", argumentou nossa entrevistada. Quanto à excelência do Haras Lagoinha, Marisa Iorio disse: "Há 20 anos somos considerados o melhor criador e expositor de Pelagem Plan do Brasil, e sou uma das pioneiras em todo o país, o que nos orgulha sobremaneira", arrematou. Quanto ao mercado para onde vai suas preciosidades, Marisa respondeu com muita convicção e conhecimento de causa: "A nossa ideia é expandir e divulgar de forma profissional a raça do cavalo genuinamente brasileiro para o resto do mundo. Neste sentido ainda temos algumas dificuldades na exportação de cavalos, e o fazemos de forma ainda incipiente, mas vamos conseguir superar os obstáculos, acredito! Neste sentido o mercado consumidor mais receptivo é o MERCOSUL. Sabemos que os EUA são um excelente mercado. Temos pesquisas técnicas que dão conta de que as pessoas de lá, de meia idade, são adeptas aos passeios em cavalos com as características dos que criamos aqui no Haras Lagoinha. Eles lá adoram cavalos no lazer. Por isso acreditamos muito no mercado externo. É importante ressaltar que já participamos de exposições em diversos lugares no exterior. Inclusive, já levei material para divulgação à Feira do Cavalo da Itália, que tem mais de 120 anos de tradição. Eles ficaram deslumbrados com a estrutura que temos aqui em Jacareí, o que nos anima", disse Marisa Iorio. Quanto à relação com o Deputado Castello Branco ela disse: "É um dia especial para mim e para toda a nossa confraria aqui reunida, para recebermos um dos políticos mais sérios e trabalhadores de São Paulo e do Brasil, que é o Deputado Castello Branco. Político de excelência, sem os vícios da velha política, que tem compromisso com o campo, tem relação com cavalos desde sempre, pois seu pai e avô foram criadores de animais e produtores rurais, de quem ele herdou a paixão pela zona rural e mantém sua propriedade rural em São Francisco Xavier, aqui em São Paulo. Nos seus três anos de mandato na Assembleia Legislativa de São Paulo, ele manteve o apoio inabalável ao pequeno e médio produtor, como também ao agronegócio, e o seu compromisso conosco, criadores de Cavalo Manga-larga.               

   

Momento em que o Deputado Castello Branco exibe o presente que ganhou da Marisa Iorio, o Cavalo símbolo do Haras Lagoinha

Nós o  apoiamos em 2018 e acredito que o povo de São Paulo vai reelegê-lo com votação expressiva em 2022, para continuar nos representando com muita dignidade na maior Assembleia Legislativa do Brasil, que é a ALESP", concluiu Marisa Iorio.            

Entrevistado pela reportagem, o Deputado Oscar Castello Branco afirmou:  

Momento em que o Deputado monta em um Cavalo do Haras Lagoinha - escolhido com muito carinho pela sua proprietária e anfitriã Marisa Iorio Corrêa


"Estou muito feliz de receber essa grande homenagem de minha querida amiga Marisa, ao lado do Marcelo Vegas, eleito presidente da ABCCRM/ Núcleo Manga-larga da Grande São Paulo e Regiões Adjacentes. Agradeço todos os presentes, e para mim é um grande orgulho ser escolhido patrono do Núcleo Manga-larga da Grande São Paulo e Regiões   Adjaacentes, que luta por um Brasil melhor e abraça um ramo rentável da economia mundial, empregando milhares de pessoas em todo o planeta Terra. O sucesso nacional e internacional do Haras Lagoinha é fruto dos esforços da Marisa e do seu sócio, seu ex-esposo Paulo, que enfrentaram de cabeça erguida os dissabores da pandemia e estão firmes, otimistas e com fé no futuro, que será próspero, se Deus quiser! O meu gabinete sempre esteve ao dispor da luta na zona rural e continua firme com todos os produtores que levam a comida aos lares de São Paulo e do Brasil. Eu tenho afinidades com cavalos, desde a minha infância, incentivado pelo meu pai e avô, que, embora médicos, sempre foram também criadores de animais e produtores na zona rural. Na Escola de Cadete do Exército fui um bom montador de   cavalos e também um destacado atleta de Pentatlo Moderno e durante os meus três anos de mandato, um dos meus pilares foi o apoio ao pequeno e médio produtor rural e o agronegócio. Repito, a indústria, cujo âncora é o cavalo, movimenta bilhões no Brasil e em todo o mundo, empregando milhões de trabalhadores em todas as suas variedades. Estou junto com a Marisa, o Marcelo Vegas e toda a confraria do Cavalo Manga-larga e suas variáveis', concluiu Castello Branco.                                   

👆Potros da Criação do Haras Lagoinha, que tem como objetivo principal resgatar a Pelagem Pampa, na Raça Manga-larga

 

Segundo estatísticas recentes, a criação de cavalos movimenta $ 16,5 bilhões e gera 3,2 milhões de empregos por ano, sendo cinco vezes superior aos empregos gerados pela produção de automóveis. Além do cavalo propriamente dito, existem suas variáveis que sustentam o lucrativo negócio no Brasil, tais como: produtos veterinários e laboratoriais, exposições, reproduções, transferências de embriões, segundo estimativas da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Manga-larga (ABCCMM).                             

É importante ressaltar que a raça de Cavalo Manga-larga se destaca por sua vitalidade, beleza e versatilidade. O cavalo vive de 25 a 40 anos. Outro dado importante nesta seara é que antes da pandemia e no ano de 2018, foram realizados 393 leilões que movimentaram 140 milhões de reais e foram comercializados 14.311 produtos. Entre os cavalos de alto preço no Brasil, destacamos nesta reportagem o cavalo Lúcido Figueira, da raça Manga-larga que alcançou o preço de R$ 5 milhões de reais e faturou três prêmios na 37º exposição nacional. Destacamos ainda o cavalo Comandante Elfar, avaliado em R$ 8 milhões de reais. Cada dose do sêmen do animal, pode custar no mercado nacional R$ 5 mil reais.                                          

Como se vê, dona Marisa Iorio e o Deputado Castello Branco estão em uma luta fantástica a favor de um Brasil igual e próspero. Desejamos a todos um glorioso Natal e um 2022 com muita saúde e paz.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem