Alagoas: Fiscalização integrada flagra veículos em praia de Maragogi

O tráfego na faixa de areia é proibido e a infração foi constatada durante operação organizada por órgãos municipais, estaduais e federais





Uma fiscalização integrada acontece, desde a terça-feira (15), no município de Maragogi. A operação é organizada pelo Instituto do Meio Ambiente do Estado de Alagoas (IMA/AL) em parceria com equipes do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Marinha do Brasil e Prefeitura Municipal.

Durante as primeiras horas da ação, foram apreendidos três veículos que transitavam, de modo irregular, na faixa de areia da praia, no município de Maragogi. Os proprietários dos dois carros e uma motocicleta receberam autos de infração no valor de R$15.500, cada um, e responderão a processos pela infração.

Segundo Marianna Farias, da equipe de fiscalização do Instituto, a operação continua, durante a quarta-feira (16), tanto na área terrestre como aquática.

Gunga

As equipes do Instituto têm trabalhado para manter a fiscalização e coibir a circulação irregular de veículos nas praias. Uma ação emblemática, por exemplo, aconteceu há seis anos, em fevereiro de 2016, quando houve a apreensão de mais de 100 veículos na faixa de areia da praia do Gunga, município de Roteiro. Na ocasião, havia 30 quadriciclos, 70 bugres e duas caminhonetes tipo pau de arara, todos foram levados para o departamento estadual de trânsito (Detran).

Os responsáveis foram autuados e tiveram que pagar multa, além de responder processo pela infração. Um dos problemas encontrados no local, é que a faixa de areia é também área de desova de tartarugas marinhas, tendo sido encontrados vários ninhos.

Na época, cerca de dois meses depois, além de ter que assinar Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), onde se comprometeram a apresentar um projeto de recuperação da vegetação, os responsáveis também foram orientados a sinalizar com placas a proibição do tráfego irregular na praia.

Desde então, as equipes do IMA intensificaram a instalação de placas informativas e as fiscalizações contra o tráfego irregular de veículos. Isso conforme a resolução nº 31/2016 do Cepram, publicada no dia 01 de julho de 2016, no Diário Oficial de Alagoas (DOE).

Sobre os passeios na praia do Gunga, de acordo com Ricardo César, coordenador de Gerenciamento Costeiro do IMA, após os estudos feitos por especialistas e do acordo assinado para a devida organização da atividade, garantindo a preservação ambiental, um novo local foi escolhido para tráfego, respeitando a legislação.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem