BB é o primeiro banco a disponibilizar iniciação de pagamentos

Solução permite experiência mais fluida, rápida e conveniente para os clientes


O Banco do Brasil é o primeiro banco habilitado a oferecer o Iniciador de Transação de Pagamento (ITP) aos seus clientes. Esse serviço permite que um pagamento seja iniciado pelo site ou app, e concluído na instituição detentora da conta do cliente, após sua identificação e consentimento.

Dessa forma, o ITP permite que a empresa crie uma jornada de pagamento mais simples para seu cliente, pois dá ao pagador a possibilidade de selecionar uma instituição já habilitada e seja direcionado para a mesma, finalizando a transação no ambiente do banco onde possui conta.

“Vamos oferecer em breve o serviço que permitirá às empresas se beneficiarem dessa novidade, e já temos diversos parceiros testando em forma de piloto. Essa solução possui grande valor agregado pois aumenta o potencial de conversão de vendas, uma vez que facilita a jornada do pagador pessoa física. Simplificar pagamentos será a tônica do futuro e com iniciativas como essa mostramos que estamos acelerando rápido e na vanguarda dos meios de pagamentos”, avalia Rodrigo Felippe, diretor de meios de pagamentos do Banco.

O ITP foi criado pelo Banco Central e tangibiliza a implementação do open banking, trazendo uma jornada mais simples e segura para os clientes, reduzindo o índice de desistência no meio do processo. Para as empresas, o benefício é uma possível melhoria no índice de conversão, com ganhos adicionais de eficiência e redução de custos.

Para Pedro Bramont, diretor de negócios digitais, a novidade materializa mais uma vez o protagonismo que o BB assumiu na implementação do open banking no Brasil. “Fomos os primeiros a realizar a jornada completa de consentimento e temos atuado fortemente para gerar valor para nossos clientes a partir das vantagens que o open banking proporciona. Com o ITP, além de melhorar a experiência do cliente final, conseguiremos apoiar ainda mais as vendas de nossos parceiros PJ e habilitar novos negócios”.

O Pix foi escolhido para o ser o primeiro meio de pagamento integrado aos ITPs, em função da alta adesão no país. As transações via Pix já ultrapassaram as feitas via DOC, TED e boleto, representando 30% do total de transações bancárias do país.

Para Rodrigo Mulinari, diretor de tecnologia, a fase 3 do open banking representou um grande desafio, pois nesta fase será ofertada o primeiro serviço financeiro do ecossistema. “O investimento na arquitetura em cloud e na formação dos times técnicos, permitiu, mais uma vez, estarmos na vanguarda das soluções de open banking, proporcionando mais conveniência ao nosso cliente”.

É seguro usar o ITP?
O ITP sempre é iniciado por uma instituição homologada e fiscalizada pelo Banco Central, e encaminha o cliente para identificação no banco onde possui conta. Por exemplo, um correntista do Banco do Brasil será encaminhado para login no app BB e, portanto, contando com toda a segurança já existente nesse canal.

Qualquer empresa que queira utilizar o ITP pode contratar o serviço com instituições autorizadas pelo Bacen e o BB já está em fase de testes para oferecer o novo serviço.

Outras possibilidades de utilização já estão a caminho visando a melhoria da experiência do cliente BB, como uma forma facilitada de trazer recursos de outras instituições - seja para realizar uma aplicação, contratar um serviço, pagar uma obrigação ou mesmo creditar sua conta.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem