Deputado Valdelino Barcelos é ovacionado durante festa dos Caminhoneiros neste sábado

 _Governador Ibaneis Rocha, Deputado Valdelino Barcelos e outras autoridades, participaram da Festa dos Caminhoneiros no Ginásio Arena_


Neste último sábado do mês de abril (30/4) o SINDICAM,  realizou um megaevento para os Caminhoneiros de todo o Distrito Federal, a festa ocorreu no Ginásio Arena que fica localizada na Vicente Pires. O evento contou com a presença do Governador Ibaneis Rocha, Deputada Federal, Celina Leão, Ex-deputado, Roney Nemer, Secretário de Governo, José Humberto,  Secretário de Mobilidade, Valter Casimiro, Administradora Regional do Riacho Fundo I,  Ana Lúcia Melo e do Deputado Distrital, Valdelino Barcelos que é conhecido por defender a causa dos Caminhoneiros.


A festa iniciou com uma mega apresentação de músicas e batidas do DJ Beto, um dos melhores DJ da capital, a seleção de musicas fizeram com que todos ficassem dançando, além do DJ Beto, o  evento contou com a participação de duas bandas renomadas,  Willian e  Marlon,  Pedro Paulo e Matheus.

Quando o Deputado Distrital, Valdelino Barcelos começou discurso, foi ovacionado pela multidão que se fazia presente no local, os participantes gritavam " É Valdelino, É Valdelino, É Valdelino"  Após os gritos uma chuva de Palmas de gratidão tomaram contam do Ginásio.


Uma das falas do Ex-deputado, Roney Nemer foi "Quanto mais eu conheço, mais eu me apaixono por ele, um ser humano que vocês conhecem como caminhoneiro e trabalhador que chegou em Brasília como lavador de carro, foi galgando e trabalhando e conseguiu organizar os Caminhoneiros, virou presidente da coperativa e depois se candidatou a deputado distrital e conseguiu ser eleito,  esse ser humano show de bola".

O Deputado Valdelino Barcelos, tem  arduamente lutado durante seu mandato, buscar melhorias para os Caminhoneiros, atualmente o deputado tem sido o parlamentar que mais coloca verba para melhorar a infraestrutura do Riacho Fundo I, onde tem conquistado a admiração dos moradores da cidade.

Texto: Genivaldo Soares 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem