Junior Achievement Goiás apresenta resultados de 2021 em Assembleia Geral

 



Evento aconteceu de forma virtual, na quarta-feira, 27 de abril

 

A Junior Achievement Goiás, uma das maiores organizações da sociedade civil, que trabalha a educação empreendedora e inovação, realizou Assembleia Geral Ordinária nesta quarta-feira, 27 de abril, de forma virtual. Durante a reunião, foram apresentados aos conselheiros das empresas mantenedoras da associação os resultados alcançados em 2021, a abrangência das ações realizadas pela instituição, além das metas para 2022.

A diretora executiva da JA Goiás, Marisa Brandão, apresentou os principais destaques em 2021 que incluem: o segundo lugar no Prêmio Respeito e Diversidade, do Ministério Público Federal (MPF) recebido pela JA Brasil, com o programa Montando sua Carreira; realização do evento Café com RH, de forma virtual, com palestra de Maurício Benvenutti, sócio da StartSe e autor dos best-sellers Incansáveis, Audaz e Desobedeça; além da indicação da JA Worldwide, ao Prêmio Nobel da Paz de 2022.

Os números também foram superados: em 2021, a JA Goiás realizou 9.406 atendimentos, o que representou um crescimento de 269% em relação a 2020. O ano também marcou a consolidação dos programas da JA Goiás em outras cidades do Estado, contabilizando 179 municípios atendidos em Goiás, 14 programas e 230 voluntários.

Durante o encontro virtual, Frederico Coelho, que é líder em Segurança de Informação e Governança, apresentou a adequação da Junior Achievement Goiás, com relação a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

A secretaria estadual de educação, Fátima Gavioli, gravou um vídeo que foi exibido durante a Assembleia, ressaltando a importância da parceria entre as duas entidades. “Sou encantada com esse projeto porque ele contribui para a promoção do comportamento empreendedor para a vida e protagonismo juvenil, com vistas para que eles se sintam ainda mais preparados para os desafios do mundo do trabalho. Para 2022, a parceria da Seduc com a JA Goias tem tudo para ser ampliada, numa proposta voltada para o Novo Ensino Médio, um dos maiores desafios da educação desse País para esse próximo ano”, declarou.

O presidente da JA Goiás, Murilo Sousa de Andrade, refletiu sobre as mudanças que foram realizadas na instituição desde o início da pandemia. “2021 foi o ano que o mundo começou a colocar no eixo o que começou a entender em 2020 e conosco foi o mesmo processo. Nosso atendimento era 100% presidencial. Então em 2021 foi o ano que precisamos não só repensar em como consolidar a atuação  online mas também  repensar nossos indicadores  de atendimento. É um mérito da nossa organização, conseguir fazer isso globalmente, e aqui em Goiás, os nossos indicadores são referência no Brasil”.

O presidente do conselho consultivo da JA Goiás, Breno Machado, finalizou o evento explicando sobre os diversos desafios enfrentados durante a pandemia dentro da instituição. “Quero parabenizar a equipe, realmente 2020 e 2021 foram anos muitos singulares na nossa história e acho que todas as empresas do mundo inteiro tiveram que se reinventar em maior ou menor grau, e acho que a reinvenção para uma instituição do terceiro setor, ela é especialmente difícil. Foi muito bonito os voluntários, os mantenedores, todos especialmente empenhados nesses dois anos para manter o projeto de pé, transformar, adquirir novas competências, se reinventar, acho que foi realmente um exemplo de atuação que serve não só para o terceiro setor mas também para a iniciativa privada”, finaliza.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem