Rogério Cruz lança Manual de Transparência do Município de Goiânia, e é homenageado por índice histórico de 98,08% em ranking do TCM

Prefeito afirma que meta é alcançar 100% em transparência. Capital está em primeiro lugar entre municípios goianos com mais de 250 mil habitantes


Fotos: Jackson Rodrigues.

Documento orienta servidores sobre forma correta de lançar dados no portal, o site de acesso livre, onde cidadão pode encontrar informações sobre despesas e receitas, licitações e contratações, fornecedores e outros temas. “Uma gestão que cuida das pessoas preza por soluções focadas no cidadão, com objetivo de aprimorar serviço público”, ressalta

O prefeito de Goiânia, Rogério Cruz, recebeu, nesta terça-feira (03/05), da Controladoria-Geral do Município (CGM), o Certificado de Melhor Gestão em Transparência, pelo índice histórico de 98,08% que a capital alcançou no ranking do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) no primeiro ano de sua gestão.


De acordo com o TCM, trata-se da melhor nota já obtida por Goiânia, que está em primeiro lugar dentre municípios goianos com mais de 250 mil habitantes.

Durante a solenidade, o prefeito lançou o Manual de Transparência do Município, e ressaltou que meta é obter 100% de transparência das próximas edições.

“É uma honra para nós receber essa homenagem por Goiânia ter alcançado uma exitosa posição no ranking do TCM no primeiro ano de nossa gestão. Transparência é obrigação dos órgãos públicos. É compromisso com a população”, ressaltou o prefeito.

“Uma gestão que cuida das pessoas preza por soluções integrativas e focadas no cidadão, com objetivo de aprimorar o serviço público”, completou Rogério Cruz.

O índice é proveniente da verificação, pelo TCM-GO, do cumprimento do que determina a Lei da Transparência. A metodologia consiste na observação de parâmetros mínimos, como a disponibilização de dados abertos, divulgação de informações com integralidade e, principalmente, o foco no cidadão.

A nota é obtida pela soma das pontuações de cada item observado, classificados entre obrigatórios e essenciais. Na capital, por exemplo, foram pontuadas ferramentas de pesquisa, informações institucionais, previsão dos valores referentes a receitas e despesas, recursos humanos e licitações.

O presidente do TCM, Joaquim de Castro, parabenizou a prefeitura e disse que Goiânia está no caminho certo. “Nada melhor para um gestor do que ser transparente. É a transparência que vai dar credibilidade à gestão. Parabéns, prefeito Rogério Cruz”, disse.

Conforme ressaltou o prefeito, o manual tem linguagem clara e acessível à população. O documento, elaborado pela Controladoria Geral do Município, por meio da Ouvidoria-Geral, orienta os servidores da Prefeitura de Goiânia sobre a forma correta de lançar dados no Portal da Transparência, um site de acesso livre, onde o cidadão pode encontrar informações sobre as despesas e receitas públicas, licitações e contratações, servidores, fornecedores e outros assuntos relacionados à gestão pública.

De acordo com o controlador-geral do Município, Gustavo Cruvinel, com o cumprimento do que determina o manual, Goiânia vai se consolidar como Cidade Transparente. “O documento vai padronizar os dados, com clareza de informações e linguagem de fácil compreensão pela sociedade. Com certeza, podemos atingir 100% na próxima avaliação do TCM no ano que vem”, afirmou.

O Manual de Transparência do Município está disponível no site da Prefeitura de Goiânia (https://www.goiania.go.gov.br/controladoria/transparencia/).

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem