Eleitos são diplomados pelo TRE-DF e estão aptos para a posse

Os 24 deputados distritais eleitos em 2 de outubro foram diplomados em solenidade na noite desta segunda-feira (19) no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. A diplomação é o reconhecimento da Justiça Eleitoral sobre o resultado das urnas e atesta que os novos representantes do Legislativo do Distrito Federal estão aptos a tomar posse no dia 1º de janeiro


Além dos distritais, foram diplomados pela Tribunal Regional Eleitoral (TR-DF) os oito deputados federais, a senadora Damares Alves, o seu primeiro suplente, Manoel Coelho Arruda Junior, o governador Ibaneis Rocha e a vice-governadora Celina Leão. Ibaneis, no entanto, não pode estar presente porque contraiu Covid 19 e foi representado pelo advogado Bruno Rangel Avelino da Silva. Cerca de 1.200 pessoas foram convidadas para a solenidade.

Na abertura do evento, o presidente do TRE-DF, desembargador Roberval Belinati, destacou o "momento de festa pela democracia brasileira".​​​​​​​



"A Justiça Eleitoral atesta que todos os 37 candidatos diplomados, 30 homens e sete mulheres, foram efetivamente eleitos pelo povo e estão aptos a tomar posse. Todos tiveram suas contas eleitorais aprovadas pelo TRE, nenhum eleito teve as contas reprovadas", afirmou

O presidente do TRE apresentou ainda alguns dados das eleições. No DF foram 896 candidatos, agremiados em 32 partidos políticos, dos quais 14 elegeram mandatários. Os candidatos receberam recursos públicos e privados na ordem de R$ 173.7 milhões. Já os 32 partidos receberam R$ 39.2 milhões. Candidatos e partidos juntos receberam mais de R$ 212 milhões.

O único distrital a discursar durante a solenidade de diplomação foi Fábio Felix (PSOL), por ter sido o mais votado nas últimas eleições, com 51.792 votos. O parlamentar criticou posicionamentos contrários às urnas eletrônicas e grupos que não aceitam o resultado da eleição presidencial. Felix cobrou ainda a responsabilização dos envolvidos em atos de violência na Asa Norte, no último dia 12.
​​​​​​​

​​​​​​​"Estou agradecido pelo privilegio que o povo do DF me deu de exercer mais um mandato parlamentar, afirmando que o honrarei com independência, coragem, altivez. E tenho orgulho de dizer que, em meio a tanto autoritarismo e fundamentalismo, um gay assumido é o deputado distrital mais votado da história do DF", bradou Fábio Felix.

Federais
Dois distritais da atual legislatura foram diplomados para o cargo de deputado federal. O presidente da Casa, Rafael Prudente (MDB), e deputado Reginaldo Veras (PV).​​​​​​​


​​​​​​​
Veja a lista dos candidatos eleitos do DF que foram diplomados:


Ibaneis Rocha (MDB) - Governador

Celina Leão (PP) – Vice-Governadora

Damares Regina Alves (Republicanos)- Senadora

Manoel Coelho Arruda Junior (Republicanos) - Suplente de Senador


Deputados Federais:

Bia Kicis (PL)

Fred Linhares (Republicanos)

Erika Kokay (PT)

Rafael Prudente (MDB)

Julio Cesar Ribeiro (Republicanos)

Reginaldo Veras (PV)

Alberto Fraga (PL)

Gilvam Máximo (Republicanos)


Deputados Distritais:

Fábio Felix (PSOL)

Chico Vigilante (PT)

Max Maciel (PSOL)

Daniel Donizet (PL)

Martins Machado (Republicanos)

Robério Negreiros (PSD)

Jorge Vianna (PSD)

Jaqueline Silva (Agir)

Thiago Manzoni (PL)

Eduardo Pedrosa (União Brasil)

Joaquim Roriz Neto (PL)

Iolando Almeida (MDB)

Pastor Daniel de Castro (PP)

Hermeto (MDB)

Roosevelt Vilela (PL)

Doutora Jane

Rogério Morro da Cruz (PMN)

Gabriel Magno (PT)

João Cardoso (Avante)

Paula Belmonte (Cidadania)

Ricardo Vale (PT)

Wellington Luiz (MDB)

Pepa (PP)

Dayse Amarilio (PSB)





























Fotos: Pedro Oliveira.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos