Luziânia completa 276 anos

Luziânia é considerada uma das cidades mais antigas do estado de Goiás e a com mais idade na região do Entorno do Distrito Federal, considerada cidade mãe, por dar origem a Brasília, Formosa, Padre Bernardo, Cristalina, Valparaíso de Goiás, Cidade Ocidental, Novo Gama e Santo Antônio do Descoberto


Luziânia foi fundada em 1746 e estabelecido o seu aniversário em 13 de dezembro. Recebeu o nome inicialmente de Santa Luzia, em homenagem a sua padroeira. A atividade de mineração na região foi uma das primeiras descobertas, foi a partir daí que iniciou a ser povoada em meados do século XVIII. No ano de 1833 passou da categoria de arraial à vila, e logo mais em 1867 foi considerada cidade, recebendo o nome de Luziânia.

A transferência da capital federal do Rio de Janeiro para o Planalto Central também foi bastante importante, pela ótica de desenvolvimento do município, incluindo o crescimento populacional. O então presidente da República, Juscelino Kubitschek, também teve suas raízes na cidade goiana, sendo proprietário de uma fazenda em Luziânia, a conhecida Fazendinha JK, que conserva relíquias e patrimônio histórico, como uma casa e capela projetada por Oscar Niemeyer.

Em pleno século XXI, Luziânia ocupa o posto do quinto município mais populoso e a 5º maior economia do estado de Goiás. Sua área total chega a 3.961,099km de extensão, tendo a população estimada no ano de 2019 em 208 299 habitantes, de acordo com dados do Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos. A atividade econômica predominante são os empreendimentos agroindustriais (com produção de feijão, soja e milho), compradores de grão da região que se destacam na comercialização com o mercado externo.

O Distrito Federal tem uma importância fundamental, devido sua proximidade, cerca de 30 mil habitantes de Luziânia se deslocam-se, diariamente para o DF com o objetivo de realizar tarefas educacionais (seja ensino tradicional, superior ou técnico) e em busca de trabalho. Esse número representa 16,3% da população que realizam esse movimento e faz com que a cidade goiana seja uma região “dormitória”.

Turismo
O luzianiense tem alguns atrativos turísticos, são eles: Igreja Nossa Senhora do Rosário, casarões da Rua do Rosário, Morro da Canastra, Palácio das Andorinhas, Cachoeira de Saia Velha, Serra dos Angicos, Canal do Rio Corumbá e Lago da usina Corumbá IV.








Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos