Vintage e Retrô Moderno são apostas da decoração de interiores para 2023


Vintage e Retrô Moderno são apostas da decoração de interiores para 2023
Divulgação Grupo A.Yoshii





De volta ao passado, estilo vem acompanhado pelo desejo de um lar mais aconchegante e repleto de histórias e significados


Quem deseja um lar elegante e cheio de memórias vai se encantar com a nova tendência de decoração. O "retrô moderno" mescla elementos atuais com itens antigos e objetos que despertam bons sentimentos e nostalgia. Ecléticos, cheios de personalidade e lembranças afetivas, esses ambientes combinam plantas, padrões geométricos, papéis de parede e mobília de designers consagrados.

A tendência vem acompanhada pelo desejo de um lar mais aconchegante e maior valorização do contato com a natureza. A ideia ganhou força com a pandemia, especialmente pelo despertar de sentimentos. As saudades e as lembranças de experiências reais e do que significam é o que está por trás da retomada do estilo.

De acordo com a arquiteta do Grupo A.Yoshii, Ana Paula Pimentel, os estilos sempre encontram uma maneira de retornar. “Sabe aquela poltrona ou móvel antigo de família, com um valor sentimental? Pode ser reformulada para diferenciar um ambiente. Se você não tem um item assim, com certeza poderá contar com um profissional que encontrará e personalizará uma peça para compor o seu lar”, observa.

Apostar no estilo retrô é, ao mesmo tempo, simples e sofisticado. “É importante diferenciar o vintage do retrô. A primeira é algo verdadeiramente antigo e que tenha, pelo menos, 20 anos de existência. Já o retrô se define por algo novo com aspecto antigo e inspirado em décadas passadas. Neste caso, falamos que os móveis são uma releitura e reinterpretação do passado”, explica Ana Paula.

Em linhas gerais, a curadoria desses ambientes envolve uma mescla de elementos contemporâneos com peças afetivas que passaram de geração em geração. “A proposta dessa tendência é relembrar a estética do passado, combinando móveis que podem ter sido recuperados ou restaurados, imprimindo uma personalidade suave e nostálgica ao ambiente”, detalha a arquiteta. Além disso, o espaço fica com um ar mais sóbrio, clássico e bucólico. “As estampas clássicas, tons envelhecidos, móveis de madeiras e objetos encontrados em antiquários fazem parte dessas características”, complementa.

Além dos ambientes internos

Se por um lado o intimismo do estilo retrô moderno está tornando os ambientes internos cada vez mais aconchegantes e únicos, os novos projetos arquitetônicos dos empreendimentos também seguem essa diretriz. O Noah, em Maringá, e o Etherea, com vista exclusiva para o Parque Barigui, em Curitiba (PR), ambos do Grupo A.Yoshii, são alguns exemplos de construções com estética curvilínea e orgânica.

As formas orgânicas nas fachadas dos edifícios são tendências da arquitetura de 2023. Antes, as formas retas, rígidas e industriais eram sinônimo de sofisticação, mas, agora, o movimento está de volta, proporcionando ambientes mais leves e fluidos. “As formas orgânicas sugerem flexibilidade e movimento. Na prática da arquitetura, essas formas são aplicadas com revestimentos naturais, cores que remetem à natureza e linhas curvas, relembrando as décadas de 1960 e 1970. É muito interessante como o design curvo, com formas mais suaves e arredondadas, tanto em móveis como em estruturas, retornaram com tanta força”, comenta a arquiteta.

Como fonte de inspiração, o último lançamento da A.Yoshii na cidade-canção, Maringá, o Noah prioriza uma fachada curvilínea e fluida. Já o Etherea, localizado na capital paranaense, também destaca-se pela fachada orgânica e suave, fazendo referência à paisagem natural do Parque Barigui.

Confira algumas dicas de itens clássicos que podem compor ambientes mais dinâmicos e clássicos, que são tendências para 2023:Itens como telefones antigos, abajures, relógios, máquinas de escrever e câmeras antigas conferem um ar vintage à sua decoração. Caso não seja possível encontrar itens verdadeiramente antigos, o estilo retrô faz uma reinterpretação dessas peças com nova roupagem. Os espelhos com formatos orgânicos trazem sensação de movimento e estão em alta.
Pode-se dizer que a escolha do sofá faz toda a diferença em uma decoração retrô. Os estofados com capitonê, como os modelos Luís XV ou Provençal, podem ser combinados com poltronas de estofado arredondado ou ainda puffs modernos e neutros.
Estruturas arredondadas como arcos e cantos são um marco da arquitetura orgânica. Além de serem pontos focais de interesse e personalidade, ajudam na volumetria dos ambientes.
A marcenaria do ambiente pode contribuir para o ar retrô. Peças com entalhes esculpidos, painéis com ângulos bem marcados e formas arredondadas, modelos com pés palito e puxadores trabalhados são referências desse estilo.
Os tapetes, por sua vez, são formas criativas e versáteis de dar personalidade aos ambientes. Nesse estilo de decoração são as cores vibrantes e as estampas com padronagens geométricas ou com efeito excêntrico que chamam atenção.
Cores neutras e iluminação adequada são importantes. Para manter a delicadeza do estilo, o estilo retrô prioriza os tons pastéis e neutros como bege, rosa queimado, cinza-claro e marrom. A iluminação deve ser aconchegante e indireta, evitando lâmpadas brancas muito artificiais e frias.

“O uso de peças autênticas e cheias de personalidade pode ser combinado a uma proposta contemporânea. É importante equilibrar essa decoração para compor um ambiente sofisticado e cheio de memória, evitando espaços muito datados ou temáticos”, finaliza a arquiteta.



Sobre o Grupo A.Yoshii

Fundado em 1965, o Grupo A.Yoshii já construiu mais de 2 milhões de m² do Sul ao Nordeste do Brasil, entre obras industriais, edifícios corporativos e residenciais, escolas, universidades, teatros e centros esportivos. É composto pela A.Yoshii Incorporação, com sólida atuação em construções de edifícios residenciais e comerciais de alto padrão em Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas; pela Yticon Construção e Incorporação, que realiza empreendimentos econômicos, localizados em regiões de potencial valorização em municípios do Paraná e interior de São Paulo; pelo Instituto A.Yoshii, voltado para a inserção social e a democratização cultural; e atua em Obras Corporativas, atendendo a grandes corporações em suas plantas industriais, nos mais variados segmentos da economia, como papel e celulose, alimentício, químico, agronegócio, energia, assim como usinas sucroalcooleiras, centros logísticos, plantas automobilísticas, entre outros. Mais informações: www.ayoshiiengenharia.com.br.





Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos