Setor de Orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba comemora 14 anos desde a inauguração

 

Consumo e procura por produtos orgânicos aumentou nos últimos anos e o Paraná concentra 16% da produção de orgânicos brasileira

Curitiba, capital brasileira conhecida pelo pioneirismo em várias iniciativas, é também a primeira cidade brasileira a contar com um setor no Mercado Municipal voltado exclusivamente para a comercialização de produtos orgânicos. E por lá, hortifrutigranjeiros não são os únicos produtos disponíveis. Além das frutas, legumes e verduras também é possível encontrar carnes orgânicas, cosméticos e até roupas. Em fevereiro, o Mercado de Orgânicos de Curitiba completa 14 anos. Inaugurado em 2009 e, atualmente com 13 lojas, o setor de orgânicos abriga três marcas pioneiras no país. É no Mercado Municipal que estão instalados o Açougue Taurino´s, primeiro totalmente orgânico da América Latina e também o Ohana, primeiro restaurante orgânico brasileiro. Além dessas opções, a Cativa Natureza, rede brasileira pioneira na produção de cosméticos orgânicos também está instalada no setor de orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba.

Débora Jacques Vieira tem uma longa história com o Mercado Municipal. Ela conta que frequenta o mercado desde a infância: “eu costumava vir com meu pai ao Mercado Municipal, tenho ótimas lembranças daqui. Depois da chegada do setor de orgânicos, pude voltar a frequentar. Gosto daqui porque além das memórias da infância, escolhi manter um estilo de vida mais saudável e o mercado de Orgânicos me ajuda a perseguir o meu objetivo, aqui eu encontro uma variedade de produtos orgânicos que não encontro em nenhum outro lugar”, afirma Débora.

O “Panorama do consumo de orgânicos no Brasil 2021”, pesquisa realizada a cada dois anos pela Associação de Promoção de Orgânicos (Organis), Brain Inteligência e UniOrgânicos mostrou que o consumo por produtos livres de agrotóxicos cresceu no país. A pesquisa foi realizada em 12 capitais das cinco regiões brasileiras mostrou que 31% dos entrevistados haviam consumido produtos orgânicos nos 30 dias anteriores a pesquisa, o que representa um aumento de 63% do consumo quando comparado com os resultados de 2019. Um novo panorama ainda deve ser divulgado em 2023. Mas o fato é que, cada vez mais, as pessoas buscam por variedade. Cleverson Augusto Schilipack, presidente da Associação dos Comerciantes Estabelecidos no Mercado Municipal de Curitiba afirma que acompanha o crescimento do consumo de produtos orgânicos no Mercado ano a ano e o atribui à variedade de produtos disponível no local - “Muitas pessoas se surpreendem com a variedade de itens que podem ser encontrados no setor de orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba, pois nem imaginam a diversidade de produtos que existe dentro da cultura orgânica”.

No Paraná estão cerca de 16% dos produtores de orgânicos de todo o país, um total de 3916 produtores certificados, de acordo com os dados do Ministério da Agricultura. Em Curitiba e Região Metropolitana o forte dos produtores são as hortaliças. O maior número de produtores de orgânicos do estado está concentrado em Tijucas do Sul, cidade da RMC. Mas, em todo o Paraná a produção de orgânicos é rica também em grãos, fruticultura, mandioca e erva-mate.

O setor de orgânicos do Mercado Municipal de Curitiba fica na entrada da rua da Paz. O local abre de terça a sábado das 8hs às 18hs. O mercado fecha às segundas-feiras.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos