De passagem por Brasília, Zema elogia atuação do Senac na formação profissional

De passagem por Brasília, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), visitou a sede da Fecomércio-DF nesta quarta-feira (27). O chefe do Executivo mineiro foi recebido pelo vice-presidente Ovídio Maia, pelo diretor regional do Senac-DF, Vitor Corrêa, e dirigentes da Federação. Além de conhecer a estrutura e a abrangência do Sistema Comércio da capital, Zema conversou sobre um tema que considera estratégico no desenvolvimento econômico: capacitação profissional

Foto: Renato Santos.

Segundo o governador, assim como no DF, as entidades do Sistema S caminham lado a lado com o governo estadual. Em Minas Gerais, Senac e Senai são os principais parceiros do programa Trilhas do Futuro, criado pelo Governo de Minas para oferecer cursos técnicos gratuitos de formação profissional. O projeto é considerado o maior do Brasil na área, com investimento anual de R$ 800 milhões.

"Vejo que o ensino profissionalizante é o futuro do Brasil. É o caminho. E o Senac está aí, pronto. Espero que outros governadores façam melhor uso dessas instituições, assim como está sendo feito no DF também", declarou o governador.

O diretor regional do Senac-DF, Vitor Corrêa, lembrou que, desde que assumiu o Sistema Fecomércio-DF, o presidente José Aparecido tem dado prioridade para o assunto, e que atua em uma linha semelhante à do colega mineiro, o presidente do Sistema Fecomércio-MG, Nadim Donato, na parceria com Estado.

"Hoje oferecemos cursos técnicos para 12% dos alunos que ingressam no ensino médio da rede pública, graças a uma parceria com o GDF. Nossa meta, por meio do atual processo de expansão, é chegar a 30%, assim como ocorre nos países membros da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE)", afirma Corrêa. Segundo ele, pesquisas demonstram que o diploma em ensino técnico garante 70% a mais de chances de empregabilidade, além de renda 30% maior em relação àqueles que detêm somente o ensino médio.

O vice-presidente Ovídio Maia, que representou Aparecido no encontro, agradeceu a visita do governador e lembrou que, segundo a última Pesquisa por Amostra de Domicílios (PADF), os mineiros são maioria entre os imigrantes de outros estados, representando cerca de 16% da população do DF, seguidos de Goiás (12,2%) e Bahia (11,1%).

Maia também fez o convite para que, futuramente, Zema participe de uma reunião da diretoria da Federação e possa tratar de temas de interesse do setor produtivo nacional e assuntos ligados à Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (Ride), composta de 33 municípios, sendo cinco deles mineiros (Buritis, Cabeceira Grande, Unaí, Arinos e Uruana de Minas).

Participaram do encontro com o governador o vice-presidente financeiro da Fecomércio-DF, Joaquim Pereira dos Santos, o diretor-secretário José Fernando Ferreira, o diretor do Secovi-DF, Eduardo Pereira, e a chefe de gabinete da Federação, Caetana Franarin.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos