Escola Superior de Ciências da Saúde recebe visita do Conselho Federal de Medicina

Metodologia ativa utilizada na Escs é um dos fatores que podem conferir a certificação do CFM | Foto: Divulgação/ Fepecs

Objetivo é conquistar certificação da entidade que reconhece a qualidade do ensino na instituição pública; avaliação será feita entre os dias 8 e 10 deste mês


Por Agência Brasília" | Edição: Carolina Caraballo

O mês de abril será marcado por uma visita do Conselho Federal de Medicina (CFM) à Escola Superior de Ciências da Saúde (Escs), a fim de reconhecer a qualidade do ensino por meio do Sistema de Acreditação de Escolas Médicas (Saeme). A metodologia ativa utilizada na instituição para garantir que os alunos tenham uma vivência prática da medicina desde o início do curso é um dos fatores que podem conferir a certificação do CFM, que possui reconhecimento internacional pela Word Federation Of Medical Education.

Para receber essa visita, a Escs passou por um processo dividido em quatro etapas. Na primeira, foi preenchido um questionário online que abrange cinco domínios: gestão educacional, programa educacional, corpo docente, corpo discente e ambiente educacional. Na fase seguinte, os dados foram analisados por uma comissão que, após aprovar os requisitos, marcou a data da visita ao curso de medicina com uma equipe composta por quatro avaliadores, sendo um discente. A última etapa consiste em um relatório final com parecer, após a visita.

A diretora da Escs, Marta David Rocha, afirma: "Espero que a escola receba o certificado, que é um selo impactante da nossa qualidade de ensino, e que estamos tentando [receber] desde 2020. Avaliamos os apontamentos e corrigimos o que foi sugerido, resolvendo as falhas verificadas. Acredito que agora vamos conseguir".

Arte: Divulgação/ Fepecs

No período compreendido entre os dias 8 e 10 feste mês, a Escs vai receber os visitantes que, depois de avaliar o curso, vão elaborar o relatório final com parecer sobre o reconhecimento, garantindo que a instituição e o programa de medicina atendem a padrões rigorosos de qualidade no ensino, infraestrutura, recursos humanos e pesquisa.

Benefícios

O certificado é a comprovação da excelência, qualidade e dedicação da instituição em formar profissionais com capacitação de padrão internacional. As escolas de medicina creditadas pelo Saeme geralmente têm seu prestígio reconhecido internacionalmente, o que pode facilitar a aceitação de diplomas e certificações em outros países. Além disso, a acreditação demonstra que a instituição oferece um ambiente de aprendizado de alta qualidade, com currículo atualizado, métodos de ensino eficazes e oportunidades de aprendizado prático e clínico.

Outro benefício desse tipo de reconhecimento é o acesso a recursos adicionais, como financiamento para pesquisas, programas de intercâmbio internacional e parcerias com instituições médicas de renome.

Complementar a isso, alguns programas de residência podem preferir candidatos que se formaram em escolas de medicina credenciadas, aumentando, assim, as chances de os estudantes serem aceitos.

Sobre a importância do credenciamento, Marta explica que "a partir de 2025, apenas egressos de instituições acreditadas poderão fazer processos de residência nos Estados Unidos, Canadá e Inglaterra". E complementa: "Além de permitir aos nossos egressos alçarem outros países, teremos um relatório de avaliação externa, que proporciona indicadores que permitem identificar como podemos melhorar".

A Escs foi inaugurada em 2001, e, em 2021, passou a integrar a Universidade do Distrito Federal Professor Jorge Amaury Maia Nunes (UnDF).

*Com informações da Fepecs

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos