Estudante de Medicina do Albert Einstein compartilha suas experiências e aprendizados no atendimento de trauma

 



As reflexões da aluna sobre seu estágio optativo no HBDF.

 

 Nos últimos 15 dias desse mês, Bianca Lima, estudante de medicina do Ensino Einstein de São Paulo, Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEP), teve uma experiência única ao realizar um estágio optativo no Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF). Com um olhar curioso e sem definição sobre sua especialidade futura, Bianca mergulhou no universo do trauma, buscando conhecimentos que transcendem qualquer escolha específica de carreira.

 A estudante destaca que a decisão de optar pelo estágio no trauma do HBDF foi motivada pela sua busca por uma área que fosse útil, independentemente da especialidade médica que escolhesse no futuro. Durante o estágio optativo de um mês, dividiu os primeiros 15 dias no atendimento pré-hospitalar na unidade móvel do Albert Einstein e os outros 15 dias no Centro de Trauma do HBDF, sob a supervisão do chefe do trauma do HBDF, o cirurgião Renato Diniz.

 


 Ao chegar ao HBDF, Bianca foi calorosamente recebida pela equipe e logo se viu imersa no pronto-socorro, onde pôde acompanhar de perto as rotinas e procedimentos. A qualidade técnica e o relacionamento entre os profissionais impressionaram desde o primeiro dia. “Fui muito bem recebida pela equipe. Todos foram extremamente acolhedores e demonstraram um interesse genuíno em compartilhar conhecimentos e experiências comigo," ressalta.

 "Desde o primeiro dia, fiquei impressionada com a qualidade técnica da equipe. Cada profissional demonstrou um alto nível de habilidade e comprometimento com o cuidado aos pacientes".

 Um dos maiores desafios enfrentados foi lidar com o intenso fluxo de pacientes que demandavam o atendimento urgente. Dessa forma, observou de perto a importância do gerenciamento da equipe e a organização necessária para garantir um atendimento rápido e eficaz, sem comprometer a qualidade.

 


 Para a aluna de medicina, uma das principais lições desse estágio foi a importância do trabalho em equipe e da sistematização das funções de cada membro. Ela destaca a atmosfera de colaboração e aprendizado mútuo, onde residentes, internos e equipes se unem em prol do bem-estar do paciente.

 Entre as experiências marcantes vivenciadas por Bianca, destaca-se o momento em que toda a equipe se mobilizou para receber um politraumatizado em estado grave. Graças à rápida ação e coordenação, o paciente conseguiu ser estabilizado e encaminhado para cirurgia, demonstrando a importância do conhecimento e da prontidão em emergências.

 


 Ao final do estágio, a estudante expressa sua gratidão pela oportunidade e pelo aprendizado adquirido. Embora ainda não tenha decidido sua especialidade, ela se sente cada vez mais inclinada para a cirurgia geral.

 Bianca conclui sua experiência no HBDF recomendando a todos que buscam conhecimentos e desafios na área médica a vivenciarem essa experiência como a dela, onde o aprendizado vai além das técnicas e se estende ao trabalho em equipe e à compaixão pelo próximo.


 

 


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos