Workshop Destaca Importância da Diálise Peritoneal no Hospital de Base do DF

 



 

Evento promovido pela Baxter reúne especialistas para troca de conhecimentos e fortalecimento da prática clínica

 

O Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) foi palco do 2° Workshop de Diálise Peritoneal, organizado pela Baxter (marca de equipamentos médicos e produtos farmacêuticos). Com uma agenda abrangente e palestrantes renomados, o evento teve como objetivo principal aumentar a conscientização sobre a diálise peritoneal como uma opção viável e eficaz para o tratamento da insuficiência renal.

A abertura do evento foi realizada pelas médicas, Dra. Tânia Fontes e Dra. Caroline Pimenta. A programação contou com apresentações sobre abordagem para Terapia Renal Substitutiva (TRS) com diálise peritoneal, ministrada por Reisila Tonaco, enfermeira responsável pela área de treinamentos da Baxter. A seguir, Dra. Cristhiane Gico, nefrologista do HBDF, discutiu sobre a importância dessa modalidade terapêutica.

O Dr. Muller Avila Batista compartilhou técnicas de implante de catéter e relatos de experiência local com procedimentos minimamente invasivos. A Dra. Bruna J. de Dio encerrou as palestras abordando a prescrição e monitoramento da diálise peritoneal (DP).

Além das apresentações, o workshop foi um espaço para a troca de experiências entre os profissionais de saúde. Foram discutidos casos clínicos, desafios enfrentados e soluções práticas, contribuindo para a formação e atualização contínua dos profissionais presentes.

O HBDF, reconhecido pela Baxter como o primeiro serviço de Diálise Peritoneal na urgência do Centro-Oeste, foi destacado como um centro de referência em Terapia Renal Substitutiva. Este reconhecimento sublinha a importância do hospital na ampliação da capacidade de atendimento à população, oferecendo uma alternativa que pode impactar significativamente a vida dos pacientes. Com capacidade para mais de 150 vagas abertas para diálise peritoneal, o hospital se compromete em proporcionar qualidade de vida aos pacientes, oferecendo-lhes o poder de escolha sobre sua terapia.

Cristhiane Gico destacou a relevância da diálise peritoneal, afirmando que “a hemodiálise nunca vai dar conta de tudo. A diálise peritoneal é vital, mais integrativa e sistêmica”. Ela elogiou o empenho dos residentes e a expansão do programa, que atualmente atende 110 pacientes.

Os participantes receberão certificação da NUEPS, reforçando a importância da formação continuada na área de nefrologia. O workshop, voltado principalmente para a equipe multidisciplinar do Hospital de Base, promoveu a colaboração e a troca de conhecimentos, fundamentais para a melhoria contínua da prática clínica.

 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem