Política

Representante indígena pede intervenção do senador Mecias para pacificar conflitos em Terra Yanomami

Conflitos envolvendo índios e garimpeiros, na comunidade indígena Palimiú, motivaram o pedido do líder indígena




Mecias de Jesus: “Vamos interceder junto ao Senado e oficiar ao Governo Federal no sentido de garantir a segurança do povo Yanomami”.

O presidente do Conselho Distrital de Saúde Indígena (Condisi), Júnior Yanomami, se reuniu com o senador Mecias de Jesus (Republicanos/RR), na tarde desta quarta-feira, dia 12, quando pediu apoio para garantir a segurança do seu povo, devido os graves conflitos envolvendo índios e garimpeiros, na comunidade indígena Palimiú, na Terra Indígena Yanomami, ocorridos nos últimos dias.

De acordo com a liderança indígena, as forças do Exército e da Polícia Federal que estiveram na aldeia, apenas verificaram a situação dos indígenas, mas não permaneceram no local, o que, na opinião dele, traz total insegurança ao seu povo.

"Eu vim solicitar ao senador Mecias, um pedido de apoio do Governo Federal, para que a força policial atue na Terra Indígena Yanomami, para garantir a segurança. O povo Yanomami está correndo muito risco, precisamos da Força Nacional para controlar a terra", disse o presidente do Conselho.

Mecias de Jesus foi informado pelo líder indígena que, em função do conflito, o Condisi precisou retirar a equipe de saúde que atende àquela comunidade, deixando os indígenas ainda mais vulneráveis.

"Vamos interceder junto ao Senado e oficiar ao Governo Federal no sentido de garantir a segurança do povo Yanomami, para que possamos encerrar esse conflito e buscar a paz entre índios e garimpeiros", garantiu o senador.

Postar um comentário

0 Comentários