Eduardo Leite apresenta a embaixadores ações do RS para obtenção de hidrogênio verde

Em visita ao embaixador da Noruega no Brasil, Odd Magne Rudd, nesta terça-feira (8/2), o governador Eduardo Leite apresentou ações e projetos do Estado para obtenção de hidrogênio verde em busca da descarbonização do Rio Grande do Sul

Leite disse aos diplomatas que, para alcançar metas climáticas propostas, governo do RS lançou o Avançar na Sustentabilidade - Foto: Gustavo Mansur.

Também acompanharam a apresentação os embaixadores da Dinamarca, Nicolai Prytz, e da Finlândia, Jouko Leinonen, além do encarregado de Negócios da Suécia, ministro conselheiro Sten Engdahl.

“Queremos colocar o Rio Grande do Sul no radar de investimentos. Temos uma demanda interna que sustenta investimentos e uma grande capacidade de mão de obra. Então, nossa visita vem nessa direção. Sobre a questão do hidrogênio verde, estamos no processo de estabelecimento de memorandos de entendimento que permitam buscar condições de demonstração efetiva da capacidade de o Estado ser um produtor de hidrogênio verde tanto pela capacidade de energia renovável como pela demanda interna”, disse o governador.

Após a participação no lançamento do Fórum Race to Zero SMI, durante a COP26 no ano passado, o governo do Estado deu sequência a uma série de iniciativas no campo do desenvolvimento sustentável, com o objetivo de planejar a rota de transição energética, para que em 2050 cumpra o compromisso assumido de não emitir mais carbono. A formalização da adesão às campanhas “Race to Zero” e “Race to Resilience”, no âmbito da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, se deu por meio do Decreto Estadual 56.347, de 26 de janeiro de 2022.

Para alcançar as metas climáticas propostas, o governo do Estado lançou o programa Avançar na Sustentabilidade, com aporte de R$ 200 milhões para projetos transversais voltados ao incentivo de energias limpas e renováveis, desenvolvimento sustentável, recuperação do patrimônio ambiental, redução do impacto ambiental no uso da terra e boas práticas para combater as mudanças do clima.

A secretária de Relações Federativas e Internacionais, Ana Amélia Lemos, acompanhou o governador na reunião.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem