IFB pelo mundo: conheça os estudantes do IFB que fazem história fora do país

O Instituto Federal de Brasília frequentemente tem apresentado para estudantes oportunidades de internacionalização disponibilizadas por instituições parceiras. Programas de mobilidade acadêmica internacional, cursos de aperfeiçoamento e de línguas, bolsas de estudo e de pesquisa, cooperação técnica internacional, dentre outras ações apresentadas com maior constância


Em 2022, com a retomada das atividades presenciais, as ações de mobilidade acadêmica puderam ser retomadas e alguns estudantes embarcaram para programas de intercâmbio, sendo selecionados e apoiados financeiramente por instituições parceiras ou pelo IFB.

Bruna Silva, estudante da Licenciatura em Pedagogia do IFB Campus São Sebastião, está participando de programa de mobilidade acadêmica por um semestre na Escola de Educação no Instituto Politécnico de Santarém/Portugal. “Tem sido incrível todas as experiências, as disciplinas, os aprendizados, a própria cidade que é uma imersão em história. A oportunidade de conhecer novas pessoas, novos países, aprender novos idiomas e novas culturas” afirma.

Outro participante que também está no Instituto Politécnico de Santarém/Portugal é Lucas Bombardi, estudante de Licenciatura em Biologia do IFB Campus Planaltina. Ele acredita que “será, sem dúvidas, uma experiência incrível que irá acrescentar muito na minha vida profissional e pessoal”.

A internacionalização no IFB contribui proporcionando o desenvolvimento cultural, acadêmico, profissional e cidadão dos estudantes, permitindo que compreendam e lidem com complexas questões internacionais, nacionais, regionais e culturais, essenciais no mundo do trabalho globalizado.

Félix Damasceno, estudante do curso de Licenciatura Letras-Inglês do IFB Campus Riacho Fundo, está participando do programa de mobilidade acadêmica internacional por um ano no Northampton Community College, localizado em Bethlehem, Pensilvânia, Estados Unidos. “Está sendo maravilhoso para a minha formação acadêmica, profissional e pessoal. Sinto que estou aprendendo muito e que estarei melhor preparado para ser um professor”, diz.

Daniel Rodrigues, estudante do 6º semestre do curso de Licenciatura em Letras-Espanhol do IFB Campus Ceilândia, também é um dos estudantes da Rede Federal selecionados para participação no programa de assistentes brasileiros de conversação na Espanha. Para ele, a experiência é exponencial e realmente diferenciada por poder estar em campo. “Estou tendo a oportunidade de ensinar a língua que eu tanto pratico, que é a minha língua materna, e também a experiência em sala de aula, que corrobora com aquilo que eu aprendo durante os meus semestres no curso. Obviamente, também aprendo a cultura, os jeitos, e isso com certeza impulsiona o meu currículo e a minha capacidade como professor de língua espanhola” conclui.

Além dos estudantes aqui citados, alguns outros também estão fazendo a diferença em vários lugares do mundo em nome do ensino, pesquisa e extensão. O Instituto Federal de Brasília se orgulha de ter representantes tão engajados e assíduos na missão e valorização da educação pública.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper
Sesc
Bio Caldo - Quit Alimentos