Minas Gerais cria 36.677 empregos formais em fevereiro

Segundo levantamento do CAGED, os setores econômicos que mais contrataram no período, foram indústria, agropecuária, construção e comércio, respectivamente



O estado de Minas Gerais encerrou o mês de fevereiro de 2022 com 36.677 novos postos de empregos formais, segundo levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), feito pelo Ministério do Trabalho e Previdência. De acordo com o economista chefe da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio MG), Guilherme Almeida, esse resultado, de forma geral, é um indício de recuperação do mercado de trabalho. “Comparado a períodos anteriores, percebemos que os impactos negativos da pandemia, apesar de ainda presentes, vem surtindo menor peso nos setores econômicos. Isso possibilita a retomada da atividade econômica e, consequentemente, do emprego”.

Entre os setores econômicos, as maiores contribuições podem ser observadas nos serviços (21.922), indústria (6.930) e agropecuária (4.012). Construção e comércio, por sua vez, foram responsáveis pela geração de 3.087 e 726 postos de trabalho, respectivamente. Já o comércio varejista foi mais impactado negativamente, onde encerrou 1.165 postos de trabalho. Em contrapartida, os números mostram que o comércio atacadista gerou 888 vagas de emprego, enquanto o segmento de reparação de veículos automotores e motocicletas abriu 1.003 novos postos de trabalho.

 

 

Setor

Admitidos

Desligados

Saldo

Serviços

93.051

71.129

21.922

Indústria

36.664

29.734

6.930

Agropecuária

14.840

10.828

4.012

Construção

27.003

23.916

3.087

Comércio

47.697

46.971

726

Total

219.255

182.578

36.677

 

 

“O varejo apresentou resultados ruins devido ao agravamento da pandemia no início do ano, em decorrência da variante Ômicron, e da deterioração dos indicadores macroeconômicos, como a alta da inflação e juros”, analisa o economista chefe da Federação. No segundo mês do ano, as demissões superaram as admissões, fazendo com que 1.165 postos de trabalho formais fossem encerrados.

 

Setor

Admitidos

Desligados

Saldo

Comércio varejista

35.376

36.541

-1.165

Comércio atacadista

7.611

6.608

1.003

Comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas

4.710

3.822

888

Total do Comércio

47.697

46.971

726

 

 

Clique aqui e confira os dados completos, por período, setor e municípios de Minas Gerais

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem